Fundação Pró-Memória lança livro “Práticas Fúnebres em São Carlos”

O trabalho é fruto da extensa pesquisa iniciada em 2014 sobre a história dos cemitérios e das práticas fúnebres locais

“Práticas fúnebres em São Carlos” foi escrito por Júlio Roberto Osio. A publicação trata das atitudes e ações diante da morte, observando as permanências e transformações das práticas funerárias e como elas se refletem na história local. O livro ainda traz um pouco mais da história dos cemitérios da cidade, em particular o Santo Antonio de Pádua e o Memorial Jardim da Paz, territórios muito mais recentes do que os explorados no primeiro livro de Osio, “A morada dos mortos”.

O tema das práticas fúnebres ainda é considerado recente nas pesquisas historiográficas, porém, já é tema recorrente em diversas outras ciências sociais e humanas, possibilitando uma aproximação e exploração do tema na percepção dos sentimentos sobre a morte e os mortos na sociedade e em grupos específicos. Para o trabalho em São Carlos, o autor trabalhou com a documentação local, trazendo também um recorte analítico a partir da literatura brasileira, que explorou – e ainda explora – o tema em diferentes momentos e culturas, aproximando sentimentos e práticas diante da morte.

Por muito tempo a morte e os mortos foram tratados com medo e tabus. Hoje foram medicalizados e retirados do cotidiano. “Porém, de qualquer forma, a morte e os mortos estão presentes em nossa história e devem ser tema abordado para a compreensão não só do fenômeno do fim da vida em si, mas das mentalidades e ações que o envolvem e estão carregadas de nossas marcas culturais”, diz o escritor.

O livro está à venda no Museu de São Carlos, localizado na Estação Ferroviária. Cada exemplar sai por R$ 20,00.

História – A Fundação Pró-Memória de São Carlos foi criada através da Lei n° 10.655, de 12 de julho de 1993, com a finalidade de preservar e difundir o patrimônio histórico e cultural do Município de São Carlos. Entre as atividades que desenvolve estão: reunir, conservar e disponibilizar o conjunto de seus documentos originários dos Poderes Executivo, Legislativo e Judiciário, além de outros advindos da administração pública direta e indireta, como também de fundos e coleções particulares, de reconhecido valor histórico e cultural. E também catalogar, inventariar e pesquisar os bens patrimoniais materiais e imateriais de São Carlos.

Exposição no Velório

“A Morada dos Mortos: Os Cemitérios Públicos de São Carlos, 1857-1930” é uma mostra, que ocupa o Velório Municipal de São Carlos, ao lado do Cemitério Nossa Senhora do Carmo.

A exposição faz parte do conjunto de ações resultantes da pesquisa em torno da história e do patrimônio dos cemitérios municipais de São Carlos, em particular do cemitério Nossa Senhora do Carmo, no período compreendido entre 1890 e 1930.

O estudo e registro dessa história, a partir de uma abordagem histórica e de um sistemático levantamento fotográfico, originou o livro “A Morada dos Mortos” e a exposição.

Fonte: Fundação Pró Memória de São Carlos

Data original:
Fonte da notícia:

Seja o primeiro a comentar em "Fundação Pró-Memória lança livro “Práticas Fúnebres em São Carlos”"

Deixe um comentario

.