Crematório ecológico para o animal de estimação morto

Os animais de estimação a cada dia conquistam mais espaços na sociedade, visando promover os seus direitos. Eles acompanham a vida dos seus tutores durante muitos anos, oferecendo sempre o seu amor incondicional. “A morte de um animal é um momento muito difícil, independentemente de sua idade, tanto para crianças, jovens ou adultos”, enfatiza Vininha F. Carvalho, editora da Revista Ecotour News (www.revistaecotour.news).

Além da tristeza, é comum que as pessoas não saibam o que fazer com o corpo do animal, o que pode gerar ainda mais desespero diante desta situação tão dolorosa. Não tem como dar um destino desprezível a quem ofereceu tanto carinho e cumplicidade à toda família.

Algumas pessoas ainda insistem em enterrar seus animais no quintal de casa ou em aterros sanitários, uma atitude reprovável, porque além de ser pouco higiênica, não oferece ao animal um falecimento digno. A cremação é a opção mais indicada, pois não traz prejuízo ao meio ambiente, evitando que a decomposição do corpo do animal contamine os lençóis freáticos, principalmente no caso de doenças transmissíveis.

O crematório de animais surgiu por volta dos anos 90 e tem tido uma demanda crescente. Atualmente conta com uma equipe altamente capacitada para realizar a gestão completa de um funeral, agindo com sensibilidade e profissionalismo para oferecer a todos, animal e tutores, um tratamento respeitoso neste momento difícil, ressalta Vininha F. Carvalho.

O ato de cremação em si é uma bela demonstração de amizade, isso deve ser simbolizado da melhor maneira possível. Os crematórios podem retirar o corpo em casa ou em clínicas veterinárias, um procedimento 100% ecológico, prático e econômico. Alguns crematórios oferecem até mesmo espaço para velório, permitindo que o tutor e os familiares possam passar os últimos momentos ao lado do animal de estimação.

As cinzas podem ser espalhadas em lugares especiais para os tutores como: jardim, rio, mar montanha ou até mesmo guardada em uma urna dentro de casa, na igreja ou santuário.

“Cada vez mais, as famílias tem buscado opções que facilitem enfrentar esta situação tão complicada, a morte de um grande amigo, uma delas é a contratação de planos funerários que incluem os animais”, salienta Vininha F. Carvalho.

Fonte: Revista Ecotour             

Be the first to comment on "Crematório ecológico para o animal de estimação morto"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*