SETEC de Campinas reajusta valores de Serviços Funerários

Foram reajustados ontem os valores do estacionamento do Mercado Municipal, dos serviços e planos funerários, além dos valores de túmulos, urnas e serviços em cemitérios e no crematório de Campinas. A Serviços Técnicos Gerais (Setec) – que é responsável pela administração e fiscalização do solo público em Campinas – anunciou os novos valores ontem no Diário Oficial do Município. A alteração seguiu a média de reajustes da inflação de 2019.

Na semana passada a Prefeitura publicou um reajuste de 4,9% nas taxas que são cobradas dos permissionários do solo público em Campinas. O decreto considerou a média de dois indicadores da inflação do ano passado – 7,31% do Índice Geral de Preços do Mercado (IGP-M) da Fundação Getúlio Vargas; e 4,38% do Índice de Preços ao Consumidor, da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (IPC-FIPE), da Universidade Estadual de São Paulo (USP).

Arnaldo Salvetti, presidente da Setec, lembrou que o reajuste foi fixado para cobrir os custos operacionais a que estão vinculados todos os serviços para atender a demanda da população. Os serviços funerários, os planos funerários e a arrecadação obtida no estacionamento do Mercado Municipal, cemitérios e crematório chegam a arrecadação anual média de R$ 36 milhões, que somados a R$ 12 milhões recolhidos junto às taxas cobradas dos permissionários, totalizam a quantia média de R$ 48 milhões ao ano para a Setec.

Vale destacar que será permitida uma tolerância de até 20 minutos sem a necessidade de pagamento no estacionamento do Mercado Municipal. Os novos preços cobrados para estacionar na área reservada do centro de compras mais tradicional da cidade variam de R$ 10,00 a R$ 55,00. A parada do veículo por até uma hora custa ao usuário R$ 10,00 e quem mantiver seu carro até duas horas terá que desembolsar R$ 21,00. Os demais preços são: R$ 31,00 (até três horas); R$ 34,00 (até quatro horas); R$ 37,00 (até cinco horas); e R$ 55,00 (superior a cinco horas). Quem perder o cartão paga também R$ 55,00.

Crematório – Os novos valores publicados ontem para os diversos serviços do crematório variam de R$ 132,92 a R$ 6.060,52. O serviço obrigatório de cremação de um corpo inteiro, por exemplo, custa R$ 3.126,56 e o uso da câmara fria tem o preço de R$ 265,83 – totalizando R$ 3.392,39. A cremação de exumados semi-intactos custa R$ 781,64 e a câmara fria custa R$ 132,92 – totalizando R$ 914,56.

As 29 urnas cinerárias disponíveis no crematório têm preços variados, definidos conforme o padrão. A urna Ágata é a mais em conta e custa R$ 261,31, seguida pela urna Alexandrita que custa R$ 290,92. Urnas com preços intermediários são a Opala (R$ 407,64), a Turmalina (R$ 637,59) e a Jaspe (R$ 731,65). Entre as mais requintadas estão a urna Rosa (R$ 2.987,57), a urna margarida (R$ 3.654,79), a Allium (R$ 4.003,20) e a Orquídea (R$ 6.060,52).

Planos – Os três planos funerários foram reajustados. Os valores do Plano Esmeralda são: R$ 322,46 (adesão); R$ 161,23 (adesão promocional); R$ 45,38 (mensalidade comum); R$ 66,88 (mensalidade cremação). Já os valores do Plano Rubi são: R$ 358,30 (adesão); R$ 179,15 (adesão promocional); R$ 68.08 (mensalidade comum); R$ 89,56 (mensalidade cremação). Os preços no Plano Pérola ficaram: R$ 406,07 (adesão); R$ 203,04 (adesão promocional); R$ 90,77 (mensalidade comum); R$ R$ 112,27 (mensalidade cremação).

Outros – Os demais preços de exumações, urnas, sepultamento, abertura de covas, e outros variam muito de acordo com o tipo de serviço, padrão e tamanho. Os valores podem ser conferidos no Diário Oficial, no site da Prefeitura de Campinas.

Fonte: Correio R.A.C

Be the first to comment on "SETEC de Campinas reajusta valores de Serviços Funerários"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*