Sangue na água?

Vídeo leva órgãos ambientais a fiscalizar funerárias às margens da Lagoa Santo Antônio dos Anjos em Laguna-SC

Órgãos de fiscalização do município de Laguna realizaram na manhã de quinta-feira (08/08) uma vistoria nos estabelecimentos funerários localizados às margens da Lagoa Santo Antônio dos Anjos.

A operação aconteceu depois da divulgação nas redes sociais de um vídeo onde se observa um líquido avermelhado, sendo despejado na lagoa por uma tubulação da Companhia Catarinense de Águas e Saneamento – CASAN.

Durante a vistoria, os técnicos despejaram produtos químicos na tubulação e detectaram que uma das saídas está vertendo na lagoa.

Segundo apurou a imprensa (Portal Agora Laguna), a funerária e a CASAN podem sofrer sanções administrativas e penais por conta da ligação detectada. O caso será encaminhado ao Ministério Público, após um laudo oficial ser emitido pelos órgãos ambientais.

Participam da ação, Vigilância Sanitária Municipal, Polícia Militar, Ambiental, CASAN e Fundação Lagunense do Meio Ambiente (Flama), que seguem no local.

Por telefone, o chefe da agência da Casan local, afirmou que: “tudo leva a crer ser realmente sangue, desembocando em uma tubulação antiga da prefeitura, hoje utilizada para descarte pela companhia”.

Essa tubulação já é obsoleta e funciona como um emissário, sendo necessário fossa, filtro e sumidouro. “Estamos aguardando um laudo da Flama, mas adiantamos que jamais poderia ser descartado esse material na rede”, finaliza.

A casa funerária onde ocorreu a fiscalização deve se pronunciar oficialmente sobre o assunto após o término da tramitação.

Fonte: Portal A Hora

Data original:
Fonte da notícia:

Seja o primeiro a comentar em "Sangue na água?"

Deixe um comentario

.