Família faz BO contra funerária que removeu corpos em acidente na pista

Inconformados com a dor da perda de 4 pessoas em acidente de carro em Cristalândia -PI, a família ainda passou por outro drama. Descobriram que a funerária do Sul do Estado recolheu os restos mortais do casal e dos dois filhos – mortos carbonizados – sem autorização dos parentes. Com a retirada ilegal das vítimas, a identificação ficou comprometida e os corpos tiveram que ser encaminhados ao IML de Teresina, percorrendo mais de 900 km de distância.

Devido à confusão no recolhimento dos corpos, a família esteve no local do acidente e encontrou ossada ao redor do veículo queimado. O pai de uma das vítimas teria recolhido “uma sacola de material” e foi entregar na delegacia. Ao chegar ao distrito não tinha delegado e o material ainda se encontra com a família.

A família ficou “revoltada” com a funerária por ter retirado os corpos sem autorização e registrou um Boletim de Ocorrência contra a empresa.

O IML informou à família que os tramites para a identificação dos corpos levariam pelo menos 4 dias e só então estariam liberados para o funeral.

Explicação – A funerária afirmou que a remoção dos restos mortais teve autorização de policiais de Cristalândia.

“A Polícia Militar autorizou o remanejamento dos corpos. O carro ainda estava em chamas, inclusive ajudei a apagar o fogo. Fizemos isso para tentar salvar o máximo dos restos mortais”, disse o funcionário da funerária.

Segundo ele, a família só esteve no local do acidente no outro dia, por volta do meio-dia. A polícia tinha que desobstruir a via e, quando acontece este tipo de ocorrência, a polícia faz a liberação.

O funcionário disse ainda que já tomou conhecimento de que a família registrou Boletim de Ocorrência e ressaltou que a prefeitura está arcando com todas as despesas.

“Nós prestamos serviços para a prefeitura e o prefeito autorizou toda a viagem de remoção dos corpos. Estamos tranquilos”, concluiu.

 

Fonte: Cidadeverde.com

Data original:
Fonte da notícia:

Seja o primeiro a comentar em "Família faz BO contra funerária que removeu corpos em acidente na pista"

Deixe um comentario