rico, muito rico

Rico, muito rico.

Eu não sei se vocês sabem, mas eu sou muito rico, eu sei que sou muito rico porque eu posso comprar tudo que desejo, mas tem um segredo, eu só desejo o que posso comprar.

Tenho visto, ao longo dos anos, a transformação do propósito de vida de muitos, têm estes mergulhado, não raras vezes em torvelinhos luminosos, observo manifestações e atitudes que me fazem gritar internamente, CUIDADO!,

Esta busca tresloucada, destes que querem ser, mais, maior ou igual que o outro, e depois de um outro que ainda conhecerá, e de outro que também que se manifestará, é o caminho mais curto para a síndrome, de “ser” e nunca “ser”, um atalho para se chegar, no lugar de onde nunca saiu.

Querer é bom, desejar brilha, mas o parâmetro nunca poderá ser “o que o outro tem”, busquemos o que nos cabe, aquilo que nos serve e precisamos de fato, para só assim sairmos de onde estamos. Vamos então combinar de ser ricos, muito ricos, ter tudo que queremos, querendo tudo que podemos ter, não só para ser feliz, mas principalmente para fazer feliz quem amamos, riqueza maior, outro não terá, assim sua busca, por “ter”, terá encontrado o que procura.

Você pode até reger o mar, mas não poderá mudar a sua melodia, e para ser feliz não precisa.

LAP

Data original:
Fonte da notícia:

Seja o primeiro a comentar em "rico, muito rico"

Deixe um comentario